Apex

Atualizado em 10 de maio de 2020

Publicar vídeos é uma excelente alternativa para quem deseja gerar engajamento no Facebook e não sabe como, principalmente para as marcas.  Mas por que isso acontece?

Porque existe uma priorização dos vídeos em relação aos formatos de conteúdo, pelo próprio algoritmo do Facebook, o que faz com que eles apareçam tanto nos posts orgânicos, como nos pagos. Além disso, atualmente as transmissões ao-vivo são outro destaque do Facebook, além de gerarem grande engajamento, podem servir para transmitir informações importantes em tempo real.

Blog publicado anteriormente em 19 de outubro de 2017

A plataforma Buzzsumo, em 2017, realizou um pesquisa que mostra o quão dominante se tornou o vídeo no Facebook. Foram analisados 100 milhões de vídeos publicados no ano que se passou e, usando esses dados, foi possível concluir algumas verdades sobre o engajamento com vídeos.

Vídeo é o formato que mais atrai engajamento no Facebook

Vídeos são os formatos com mais probabilidade de alcance e engajamento de audiências, de acordo com o Locowise. A média de publicações de vídeos em abril de 2017 alcançou 12.05% do total da audiência da página, superando as fotos, com 11.63%, os links, com 7.81%, e as atualizações de status, com apenas 4.56%.

Para grandes criadores de conteúdo, como o jornal The Guardian, os artigos com maior engajamento em seu website são artigos de texto tradicionais. Mas quando se fala em Facebook, o formato de conteúdo de maior performance é o vídeo. Abaixo, estão os quatro posts melhor ranqueados pelo engajamento produzidos pelo jornal inglês.

Quais são os assuntos para vídeos que geram mais engajamento?

Os assuntos mais populares ranqueados pelos engajamentos de Facebook são listados abaixo.

Engajamento com vídeos no Facebook: O que aprendemos analisando 100 milhões de vídeosComo se pode observar, comida é um assunto bastante popular. Páginas como Buzzfeed Tasty alcançam níveis significativos de engajamento. Abaixo, estão os quatro vídeos com maior engajamento dos últimos 6 meses. E parece que Cheesecake de Pão de Banana é consideravelmente mais engajador do que assuntos imobiliários – pelo menos nos vídeos de Facebook…

Engajamento com vídeos no Facebook: O que aprendemos analisando 100 milhões de vídeos

Quando se fala de Do It Yourself (DIY), ou, em português, “faça você mesmo”, páginas como a First Media Blossom também geram níveis excepcionais de engajamento. Abaixo, estão seus vídeos com maiores taxas no último ano.

Qual é a duração ideal para um vídeo no Facebook?

Como se pode observar abaixo, a análise do Buzzsumo de 100 milhões de vídeos publicados no ano passado mostra que os vídeos curtos geram, em média, mais interações. A faixa ideal para duração de um vídeo é de 60 a 90 segundos.

Engajamento com vídeos no Facebook: O que aprendemos analisando 100 milhões de vídeos

Depois de 90 segundos, a média de engajamento diminui na proporção que a duração do vídeo aumenta – até cerca de 6 minutos, quando o engajamento permaneceu constante. É interessante notar que vídeos muito curtos, de menos de 30 segundos, geram a média de engajamento mais baixa de todas.

Qual é a duração ideal para um vídeo ao vivo do Facebook?  

O número de transmissões ao vivo no Facebook está crescendo. Em abril de 2017, Fidji Simo, diretora de produção e de vídeo do Facebook, anunciou que 20% de todos os vídeos do Facebook são transmitidos ao vivo e que o tempo diário de visualizações para vídeos ao vivo quadruplicou no último ano. Isso tem a ver, também, com a prioridade que o Facebook tem dado ao vídeo ao vivo.

A análise do Buzzsumo para vídeos ao vivo do Facebook descobriu que as interações aumentam quanto mais o vídeo dura, até a marca de 15-16 minutos. Depois dessa duração, as interações permanecem estáveis.

Isso faz sentido intuitivamente, já que as transmissões ao vivo do Facebook serão tipicamente mais longas que outros vídeos. Por exemplo, se você está fazendo um vídeo ao vivo de perguntas e respostas, uma duração de menos de 3 minutos é improvável de promover muito valor. Além disso, fazer uma sessão ao vivo requer um certo tempo mínimo para permitir que os usuários entrarem e entenderem o que está acontecendo.

Média de interações para vídeos normais e ao vivo no Facebook

Em geral, a média de engajamento de ambos os tipos de vídeo foi similar.

Também foi observado, na análise, que vídeos ao vivo do Facebook atraem um número muito maior de comentários em relação a vídeos normais. Cerca de 25% das interações, nas transmissões, eram comentários. Isso faz sentido, já que é uma sessão ao vivo com pessoas perguntando e respondendo perguntas em tempo real.

Quais são as reações mais comuns para vídeos?

A Buzzsumo analisou as médias de reações mais populares para vídeos. Num mundo incrivelmente polarizado, foi bom observar que as reações emocionais mais dominantes eram a risada e o amor.

Engajamento com vídeos no Facebook: O que aprendemos analisando 100 milhões de vídeos

Quer criar vídeos ótimos no Facebook? A Apex sugere esses 5 passos

Há algumas observações que a equipe da Apex apontou após a análise desta pesquisa. Algumas delas nós já utilizamos nas campanhas de vídeos com os clientes da agência e detalhamos abaixo as mais relevantes para seu negócio:

Gostou das dicas? Veja quais são os motivos pelo qual o engajamento em outros tipos de post no Facebook está caindo. E se você quiser um acompanhamento eficiente e qualificado para sua estratégia de marketing nas mídias sociais, entre em contato com a Apex Agência e planeje o sucesso!

Assine a nossa newsletter

O melhor do jornalismo. O melhor da comunicação publicitária. Apex. Desde 2006 transformando conteúdo em ferramenta de negócios.

    Faça contato pelo whatsapp Faça contato pelo whatsapp